60% dos paulistanos que já fizeram sexo no carro nunca foram flagrados por desconhecidos, amigos e familiares ou policiais. Pesquisa realizada pela Sexlog mostra que 91,02% dos paulistanos já transaram no carro, mas 60% nunca foram flagrados. Apesar da maioria que saciou os desejos sem problemas, 20% foram flagrados por policiais. As informações são da assessoria.

Posições clássicas são práticas?
Quando o assunto é posições sexuais, a criatividade dentro do carro não fica longe da imaginação de dentro do quarto. As mais tradicionais como “papai e mamãe” e “frango assado” são as menos utilizadas pelos respondentes da pesquisa Sexlog, representando 4% e 13% da preferência brasileira, respectivamente.
A posição preferida para as rapidinhas no carro é a “cavalgada”, apontada como a melhor por 54% dos respondentes. Em segundo lugar vem a famigerada posição “de quatro”, principal escolha de 29% dos brasileiros.
Ai, se o banco de trás falasse!
Se o banco de trás do carro falasse, ele revelaria muitas histórias, já que 69,9% dos respondentes o escolheram como a melhor opção de lugar para fazer sexo no carro. O banco do passageiro aparece em segundo lugar, com 24% de fãs. Apenas 6% têm como primeira opção o banco do motorista.
Se combinar direito, cabe todo mundo!
Mesmo que o imaginário coletivo facilmente associe as rapidinhas de sexo no carro a uma aventura a dois, a pesquisa da rede social adulta revelou que não é bem assim. Mais de 30% dos brasileiros já transaram no carro com mais de uma pessoa.
Quanto mais espaço, melhor!
O conforto é um fator importante na hora de realizar a fantasia – ou rapidinha – de sexo no carro. Espaçosos, os veículos do tipo sedan são os preferidos de 42% para fazer sexo no carro, seguidos pelas SUVs, que são a preferência de 27% dos brasileiros. Os menos populares foram os clássicos utilitários, com 15%, os carros tipo hatch, com 9%, e os esportivos tradicionais, com 8%.
Além da variedade de tipos de carros, a pesquisa mostra que as aventuras em diferentes veículos também rola solta! Mais de 24% dos respondentes da pesquisa da rede social adulta já transaram em cima de uma moto e mais de 12% tiveram experiências em caminhões.
Fonte RAC
Receba as “Notícias De Indaiatuba’ no Seu WhatsApp Os leitores que solicitarem o serviço gratuito irão receber, direto nos seus aplicativos, as principais notícias do dia. Estar sempre conectado aos aplicativos de mensagens instantâneas, como o WhatsApp, não significa estar desinformado. Com o Notícias de Indaiatuba, você pode receber diariamente as principais notícias do dia no seu celular. Para participar, basta adicionar nos seus contatos o número (19) 98122-4163 e enviar uma mensagem pelo WhatsApp, enviando a palavra “Notícias de Indaiatuba” (quem já é adepto do serviço continuará recebendo as notícias pelo número divulgado anteriormente). O esquema de envio será via lista de transmissão. Isso significa que os leitores que optarem por receber o conteúdo só serão notificados pelo Notícias de Indaiatuba, que administra o grupo.

Artigos relacionados
Carregar mais por redação
Carregar mais em Entretenimento
Comentários estão fechados.

Leia também

Caminhão tomba durante a madrugada na Santos Dumont no …

O trânsito não foi afetado e não foi necessário interditar nenhuma das faixas. Um caminhão…