A Polícia Federal informou que foram usados dois carros no crime. Um deles tinha inscrições da Aeronáutica. Um dos seguranças foi baleado na orelha e outro na perna, e o estado de saúde ainda não é conhecido.

Também não se sabe, ainda, o que foi levado. A transportadora de valores Brinks, que foi alvo do assalto, disse estar levantando as informações.

Segundo uma fonte, os criminosos interceptaram, no pátio interno do terminal de cargas, um contêiner que carregava uma grande quantidade de dólares e iria ser embarcado em um avião da transportadora UPS. Para chegar até lá, usaram carros clonados.

Ao menos parte da carga foi levada, segundo essa fonte. A transportadora de valores Brinks, que foi alvo do assalto, disse estar levantando as informações.

Desvios no trânsito

Para quem está no sentido Campinas, a concessionária AB Colinas, que administra a Santos Dumont, desvia o tráfego pela SP-324, que dá acesso ao aeroporto. Não há congestionamento.

Já no sentido Indaiatuba, são duas opções de desvio: no retorno do km 69 ou embaixo do viaduto no km 67. Neste sentido há três km de congestionamento.

Em março de 2019, um avião da Lufthansa foi roubado em Viracopos. Em apenas seis minutos, criminosos armados com fuzis levaram US$ 5 milhões em espécie. O avião havia partido de Guarulhos e fazia escala em Campinas antes de ir à Suíça.

Pelo menos outros seis crimes dentro do aeroporto e nos arredores tiveram repercussão desde outubro de 2012 – mês anterior ao início da gestão feita pela iniciativa privada no terminal.

Entre os casos, estão o roubo de uma carga milionária de processadores de aparelhos de telefonia celular, em fevereiro de 2015.

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Notícias
Comentários estão fechados.

Leia também

Prefeitura e Mann + Hummel realizam 63º Domingo Ecológico no domingo (24)

Notícias Prefeitura e Mann + Hummel realizam 63º Domingo Ecológico no domingo (24) Publica…