Quer receber as principais Notícias de Indaiatuba e região pelo Facebook Messenger? Inscreva-se agora.

Quem tem vontade de empreender já pode se inscrever no programa Escola de Inovadores, curso de extensão gratuito oferecido pelo Centro Paula Souza (CPS).

Organizado pela Inova CPS, que tem o intuito de ensinar pessoas com espírito empreendedor a transformar ideias inovadoras em startups, o curso será oferecido neste primeiro semestre de 2019 em Escolas Técnicas (Etecs) e Faculdades de Tecnologia (Fatecs) estaduais de 38 municípios. No total, 45 turmas serão formadas.

As cidades participantes são Americana, Araçatuba, Assis, Bebedouro, Birigui, Botucatu, Capital, Diadema, Franca, Franco da Rocha, Guaratinguetá, Ibitinga, Indaiatuba, Itapira, Jaboticabal, Jaú, Lorena, Mauá, Mogi das Cruzes, Monte Alto, Monte Aprazível, Ourinhos, Penápolis, Pindamonhangaba, Piracicaba, Praia Grande, Presidente Prudente, Presidente Venceslau, Ribeirão Preto, São Caetano do Sul, São Carlos, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Roque, Tatuí, Taquaritinga, Teodoro Sampaio e Tupã.

As inscrições para o processo seletivo são gratuitas e podem ser feitas pela internet. Os candidatos deverão apresentar projetos de empreendedorismo, que serão avaliados seguindo alguns critérios, como inovação, viabilidade técnica do projeto e potencial mercadológico.

Serão selecionados de 25 a 30 participantes por turma, e cada unidade será responsável por fazer seu próprio cronograma de aulas.

Projeto final poderá ser apresentado a empresários

Com 40 horas de duração, divididas em 10 encontros presenciais, o curso conta com diferentes temas que fornecem uma formação ampla e visão de negócio para o participante.

Entre outros assuntos, o aluno aprenderá gestão empresarial básica, design thinking, prototipagem, Canvas, marketing, tecnologia aplicada aos negócios, finanças e mercados.

Além das atividades, o participante também contará com mentoria na construção do seu próprio plano de negócios e, ao final do curso, os alunos terão a oportunidade de apresentar as propostas de startups a empresários, instituições do poder público e representantes de ambientes de inovação, como incubadoras, parques tecnológicos e espaços de coworking. O propósito é promover parcerias e oportunidades de negócios. Conheça o projeto pedagógico.

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Notícias
Comentários estão fechados.

Leia também

Tomates recheados à milanesa

Tomate tem presença garantida em nossas mesas diariamente, seja na salada ou em molhos. Es…