Segundo os meteorologistas do site Climatempo, o estado de São Paulo pode receber uma “chuva preta” essa semana. O fenômeno seria causado pelo vento trazendo a fumaça das queimadas que estão acontecendo neste momento na região do Pantanal. Além de São Paulo, essa chuva escura pode atingir também algumas áreas do Rio de Janeiro e de Minas Gerais.

No final de semana passado, a chuva preta aconteceu em algumas regiões do Rio Grande do Sul. Para chegar na região de São Paulo, depende da quantidade de fuligem trazida pelo vento da região central do país. Ao mesmo tempo, outro fenômeno que está suscetível a acontecer no sudeste por causa das queimadas é o céu alaranjado durante o dia.

LEIA TAMBÉM

Em São Paulo, além de poder receber os impactos dos incêndios no Pantanal, sofre ainda com as chamas das queimadas que ocorrem no interior do estado, como é o caso da Serra do Mursa, em Várzea Paulista. Um incêndio tomou proporções gigantescas na área de preservação ambiental na segunda-feira (14).

Chuva no final de semana

Uma frente fria vinda do sul do país deve chegar a São Paulo na tarde desta sexta-feira (18) e causar chuva por todo o final de semana. No domingo (20) as pancadas de chuva serão mais fortes e as temperaturas caem.

“A chuva sempre lava a atmosfera, ela leva a poeira, poluição, eventual fuligem, todo material particulado que estiver na atmosfera. Então a chance de chuva escura é maior nas primeiras chuvas previstas”, explica o meteorologista Alexandre Galvão.

De acordo com especialistas, a fuligem da fumaça viaja em uma altura maior que o material que surge da poluição comum. Sendo assim, as partículas são absorvidas pelas nuvens, que ficam escuras.

Theotonio Pauliquevis, físico e professor da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), explica que “a nuvem de fumaça viaja a cerca de 3 km ou 4 km do solo. Ela bate de frente com a nuvem de chuva, que absorve a fuligem e forma essa espécie de gosma que dá origem às nuvens escuras e avermelhadas e também à chuva ‘preta’, mais escura que o normal.”

Leia também:

Informações são do G1.

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Brasil
Comentários estão fechados.

Leia também

Coronavírus: Indaiatuba confirma 192ª óbito e número de infectados aumenta para 6.595

LEIA TAMBÉM Coronavírus: Indaiatuba confirma 192ª óbito e número de infectados aumenta par…