O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), anunciou hoje o cancelamento da festa de LGBT e o adiamento do Carnaval 2021 devido à pandemia de covid-19.

De acordo com o prefeito, o evento exige uma organização bastante antecipada e envolve uma série de fatores. A nova data do carnaval 2021 deve ser anunciada somente em 2021 e que deve ocorrer entre os meses de maio ou julho.

A decisão também inclui os desfiles de rua. “Nós conversamos durante essa semana com vários blocos de carnaval, tradicionais da cidade, tanto as escolas quanto os blocos entenderam a inviabilidade da organização do carnaval pra fevereiro do ano que vem”, afirmou Covas.

A prefeitura anunciou também o cancelamento da parada LGBTQI+ de 2020, que ocorreu virtualmente em 14 de julho e foi adiada para 29 de novembro, data do segundo turno das eleições municipais. A organização decidiu cancelar a parada de forma voluntária.

A Fórmula 1 anunciou nesta sexta-feira o cancelamento dos grandes prêmios nas Américas, no caso, os de Canadá, Estados Unidos, México e Brasil, devido aos desdobramentos da pandemia de coronavírus.

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Brasil
Comentários estão fechados.

Leia também

Jundiaí ultrapassa os 7 mil recuperados por Covid-19

A cada dia os profissionais do Hospital de Caridade São Vicente de Paulo (HSV), referência…