Uma cachorrinha chegou ao veterinário vomitando sem parar. Preocupado, o especialista suspeitou que o animal tinha algum tumor cancerígeno e decidiu fazer uma cirurgia às pressas. Ao iniciar a operação, o profissional viu que o “tumor” se tratava na realidade de cerca de 300 elásticos para cabelo.

A cadela Lottie vinha secretamente comendo elásticos desde que foi adotada, em março de 2015. Os prendedores de cabelo tinham fechos de metal e acabaram ferindo os intestinos do animal, prejudicando a recuperação de Lottie.

LEIA TAMBÉM

Após alguns dias de internação, que rendeu uma conta equivalente a R$ 15 mil, a cachorrinha voltou para casa e para sua família.

Fonte: Metrópoles

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Entretenimento
Comentários estão fechados.

Leia também

Estrangeiros têm entrada liberada em aeroportos do país após decisão do governo

Um portaria publicada na quinta-feira (24), o governo federal decidiu autorizar a entrada …