Uma fake news envolvendo o Xvideos, site especializado em vídeos adultos, se espalhou pelas redes sociais nesta semana e acendeu uma luz vermelha na cabeça do público brasileiro da página.

Tudo começou com o print de um suposto tuíte, que deu até data para o site ser tirado do ar: “Lamento em informar que iremos cancelar nosso site no @Brasil e outros 25 países. Obg povo brasileiro por serem um dos nossos maiores públicos. Aproveitem até o dia 21 de setembro!!”.

LEIA TAMBÉM

Para além da mensagem com erros de português e repleta de emojis, que já indicavam que poderia se tratar de uma montagem, há outras provas que sinalizam que trata-se de um boato.

A primeira: o tuíte nem existe, pois o nome de usuário “@Xv” é impossível de ser criado no Twitter – a plataforma exige que a “arroba” cadastrada tenha pelo menos 4 caracteres (e no máximo 15).

Veja também:
Cine Privé volta à programação da Band; veja data de estreia

Com apenas duas letras, o perfil da imagem aparece com o selo de verificação, mas nem mesmo a página oficial do site no Twitter (@xvideoscom), que conta com mais de 416 mil seguidores, tem essa autenticação.

É simples verificar que essa realmente é a conta do Xvideos na rede social: basta entrar na página principal do site de vídeos e clicar no botão da rede social, que redireciona para a “arroba” citada acima.

E como toda fake news é (quase sempre) baseada em algum fato, neste caso a montagem do boato não diferente. Há uma informação correta na montagem: o Brasil realmente está entre um dos maiores públicos do site. É o que provam os dados do site Similar Web, que apontam que do total de acessos ao Xvideos, 9,9% vem dos brasileiros.

Você caiu nessa fake news? Evite outras vítimas e compartilhe!

Paolla Oliveira recorrerá à Justiça após vídeo erótico atribuído a ela viralizar

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Entretenimento
Comentários estão fechados.

Leia também

Com prefácio de Flávio Augusto, livro traz diversos insights sobre negócios e gestão

Com prefácio de Flávio Augusto, livro traz diversos insights sobre negócios e gestão Por A…