O cachorrinho do padre Irineu Neto Guedes Machado, de 62 anos, ganhou destaque nas redes sociais depois de ser filmando invadindo e aprontando todas durante uma missa. Quem flagrou o bichinho em ação foi a agropecuarista Loane Dorneles dos Santos, 34, que postou um vídeo no Facebook que viralizou (veja o vídeo abaixo).

Nas cenas é possível ver o Seliguedim entrando na igreja em Itacurubi, na Fronteira Oeste do Rio Grande do Sul. Ignorando os fiéis e o momento solene, ele vai em direção ao dono, que celebra a missa. O cachorrinho rodopia, salta, morde a batina do religioso, que se mantém firme na leitura da liturgia.

Ao G1, Loane afirma que o cãozinho foi como um sinal de Deus para ela. “Aquele dia foi a missa de falecimento de dois anos do meu pai. O padre estava fazendo a oração, falando das pessoas ausentes, e aí o cachorrinho entrou e foi direto no padre. Parece que foi um sinal, que foi um anjo que agradou a todos“, comentou ela ao jornal.

Mas ela não imaginava o sucesso que Seliguedim faria nas redes sociais. Até o final da manhã desta terça-feira (21/01/2020), o vídeo de Loane já havia acumulado mais de 44 mil visualizações.

O padre contou que, assim que terminou a primeira parte da liturgia, levou o cachorro para casa e deu ração.

Fonte: Metrópoles

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Entretenimento
Comentários estão fechados.

Leia também

Com uma morte por hora, SP registra recorde de óbitos em apenas um dia por coronavírus

Ao todo são 136 mortes até esta terça-feira; Campinas e outras 3 cidades da Grande SP pass…