Foto: Reprodução Instituto Padre Harold

O padre americano e naturalizado brasileiro, Harold Joseph Rahm, morreu na tarde deste sábado (30) aos 100 anos, em São Paulo. Ele chegou ao Brasil em 1965 e fundou uma associação filantrópica referência no acolhimento de dependentes químicos.

Padre Haroldo morava na Casa dos Jesuítas Companhia de Jesus e tinha cuidadores no local. De acordo com a assessoria, ele sofreu uma parada cardíaca. O prefeito de Campinas, Jonas Donizette, decretou luto oficial por três dias.

O velório do Padre Haroldo acontece neste domingo (1), no Paço Municipal de Campinas, a partir das 08h e segue até às 15h. Em seguida, o corpo vai para o Mosteiro de Itaici, em Indaiatuba, também em São Paulo. O sepultamento está previsto para acontecer às 17h.

Sobre Harold Joseph:

Padre Harold Joseph Rahm, nasceu em 22 de fevereiro de 1919, no Estado do Texas, na cidade de Tyler. Nos Estados Unidos já desenvolvia, desde jovem padre, trabalhos sociais com jovens que viviam na fronteira com o México. O Padre J. Rahm, que chegou ao Brasil em 1965 e naturalizou-se brasileiro em 1986, fundou diversas obras aliando-se a outros religiosos. Em 1978, fundou a entidade filantrópica “Associação Promocional Oração e Trabalho” (APOT) que em 2009 foi rebatizada com seu nome pela diretoria. Padre Haroldo ministrou dezenas de cursos, recebeu diversos prêmios e possui mais de 20 livros publicados.

Leia também:

Caixa diz que saque de R$ 500 do FGTS será devolvido ao fundo em um dia útil

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Notícias
Comentários estão fechados.

Leia também

Coringa está em cartaz no Kinoplex

Alt + Shift + C ir para o conteúdo Alt + Shift + M ir para o menu Alt + Shift + F ir para …