Connect with us

Notícias

Toyota expande fábrica de Sorocaba e gera 850 empregos

Artigo

em

ToyotaA fábrica da Toyota em Sorocaba-SP ganhará um terceiro turno (Foto: Divulgação/Toyota)

” data-medium-file=”https://garagem360.com.br/wp-content/uploads/2021/09/Toyota-Sorocaba-145-300×200.jpg” data-large-file=”https://garagem360.com.br/wp-content/uploads/2021/09/Toyota-Sorocaba-145-1024×683.jpg”>

A fábrica da Toyota em Sorocaba-SP ganhará um terceiro turno (Foto: Divulgação/Toyota)

A Toyota anunciou na última quinta-feira (02/09) que irá expandir a sua fábrica localizada em Sorocaba-SP. A partir de janeiro do próximo ano, voltará a  contar com mais um turno. O local é responsável pela produção nacional do Yaris e do Corolla Cross. Sem falar do Etios, que é exportado para países da América Latina.

LEIA TAMBÉM

Esta planta foi inaugurada pela montadora em 2012. Com as mudanças, a marca espera aumentar sua produção dos carros feitos no local . De acordo com a própria Toyota, a demanda pelos produtos feitos por lá tem aumentado. Isso está acontecendo tanto no Brasil quanto no resto da América Latina. Sem falar da estratégia de crescimento sustentável da marca.

Foto: Divulgação/Toyota

Toyota expande fábrica de Sorocaba e gera 850 empregos

Algumas mudanças ocorrerão na fábrica, que irá operar 24 horas no local. De acordo com a montadora japonesa, o volume de veículos produzidos anualmente lá irá crescer em 25%. Isso significa que o número de unidades feitas por lá aumentará. Este número é de 122 mil atualmente. A expectativa é que este valor suba para 152 mil carros por ano.

A abertura deste novo turno também representará o surgimento de novas oportunidades de emprego. Neste caso em específico da fábrica de Sorocaba-SP, serão 450 vagas. O início do processo de seleção começará neste mês. Mas não ainda não tem uma data específica para começar.

Foto: Divulgação/Toyota

Os outras 50 vagas são de postos de trabalhos distribuídos nas outras fábricas. Vale lembrar que a marca está instalada também nas cidades de São Bernardo do Campo-SP, Porto-Feliz-SP e de Indaiatuba-SP. E tem mais. A cadeia de fornecedores pode gerar a contratação de 350 colaboradores. Ou seja, 850 vagas ao todo.

“Trabalhamos duro para criar esse momento importante da história da Toyota no Brasil. Ele está sendo possível graças à excelente integração que fizemos com todos os públicos envolvidos nessa iniciativa – colaboradores, sindicato, fornecedores, concessionários e governo.

Além disso, tenho certeza de que esses 850 empregos diretos e indiretos que serão gerados impactarão positivamente a sociedade brasileira nesse período tão delicado que todos vivemos”, afirma Rafael Chang, presidente da Toyota do Brasil, em comunicado.

Foto: Divulgação/Toyota

Este aumento também consolida a fábrica como a maior produtora de carros elétricos da América Latina.

A construção da fábrica foi fruto de um investimento de US$ 600 milhões. Depois ela passou por outros dois ciclos de investimento. Um de R$ 1 bilhão, para aumentar a produção anual de 74 mil veículos para 108 mil unidades por ano. Já a segunda (de 1 bilhão, em 2019) serviu para modernizar as instalações para a chegada do Corolla Cross, que é comercializado em 22 países da região.

Falta de semicondutores e 3º lugar no ranking de marcas

Foto: Divulgação/Toyota

A crise do semicondutores afetou diversas marcas que possuem fábricas em terras brasileiras. A Toyota foi uma delas. Ela suspendeu a produção em duas unidades (Porto Feliz-SP e Sorocaba-SP) entre os dias 18 e 27 de agosto. Férias coletivas foram concedidas aos colaboradores. Mas os efeitos não foram tão grandes.

Já seu desempenho no mercado de carros 0km também merece ser destacado. No mês de agosto, ele foi a terceira montadora que mais emplacou veículos. Quem diz isso é a Fenabrave. De acordo com ele, a Toyota vende 17.426 veículos no último mês.

Sendo que dois de seus veículos terminaram entre os automóveis de passeio mais vendidos. Estamos falando do Corolla Cross (4.789 unidades comercializadas) e o Corolla (4.354 unidades). Já a Hilux segue entre as três picapes médias mais vendidas.

Pedro Giordan

Pedro GiordanJornalista graduado pela Universidade Metodista de São Paulo em 2017. Redator do Garagem360 desde abril de 2021. Anteriormente, trabalhou em redação jornalística, assessoria de imprensa, blog sobre futebol e site especializado em esportes.

ASSISTA AGORA

PUBLICIDADE

Destaque

Pais são presos após morte do filho de 4 meses em Indaiatuba

Artigo

em

Por

Pai e mãe de um bebê de 4 meses foram presos por negligência em Indaiatuba (SP) após a morte da criança neste sábado (18). Segundo a Polícia Civil, o casal disse ser usuário de drogas, vivia com o bebê e uma criança de 6 anos em condições insalubres e vai responder por homicídio culposo.

“Pelas condições precárias do apartamento, o casal, por ser usuário de drogas, então teve já prova suficiente de uma negligência. Os dois vão ser autuados por homicídio culposo, porque teve a negligência, e esperar a chegada do laudo do local, o laudo necroscópico, para ver se teve, se comprova a intenção de matar”, explicou o delegado do caso, Danilo Amâncio Leme.

LEIA TAMBÉM

A ocorrência foi em um condomínio localizado na avenida Horst Frederico John Heer, no bairro Campo Bonito, no fim da manhã. A Guarda Municipal foi acionada e encaminhou o bebê para a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA), mas ele não resistiu.

O pai, de 31 anos, é vidraceiro, e a mãe, de 30, trabalha como manicure. Eles deram versões diferentes ao delegado sobre o horário da morte do bebê. Segundo a mulher, ela o teria amamentado e dormido. Quando acordou, percebeu que o filho não reagia.

“A mãe fala que ela acordou ás 8h, amamentou essa criança, colocou na cama do lado dela e que às 11h ela acordou e viu a criança desfalecida. O marido conta que dormiu no quarto do lado e quando acordou, viu a esposa ainda dormindo e a criança nessa situação, e que ele acordou a esposa”, explicou o delegado.

A residência possuía pinos de cocaína pelo chão, latas de cerveja, muita sujeira e objetos jogados pelo apartamento. A filha do casal de 6 anos vai ficar com os avós e a o delegado acionou o Conselho Tutelar da cidade.

“É uma casa que não tem condições mínimas de criar e educar os seus filhos”, completou Leme.

Continue lendo

Notícias

Indaiatuba abre curso gratuito sobre como montar lojas online

Artigo

em

Por

LEIA TAMBÉM

Curso sobre como montar comércio online acontece entre dias 4 e 27 de outubro na Fiec em Indaiatuba (SP) — Foto: Juliana Wolf

A Prefeitura de Indaiatuba (SP) disponibiliza um curso presencial e gratuito sobre como estruturar uma loja virtual. A formação conta com carga horária de 44h e acontece entre os dias 4 e 27 de outubro.

As aulas serão às segundas, quartas e sextas, entre 13h e 17h, na Fundação Indaiatubana de Educação e Cultura (FIEC), localizada na Avenida Engenheiro Fábio Roberto Barnabé, número 3.405, no Jardim Regina.

As inscrições estão disponíveis na plataforma disponibilizada pela organização e o curso conta com 18 vagas.

O conteúdo programático prevê aulas sobre instalação e configuração da plataforma WordPress, estruturação de inventário da loja, categorização de produtos, métodos de pagamento e impostos, meios de entrega e atendimento ao cliente.

VÍDEOS: tudo sobre Campinas e Região

Continue lendo

Notícias

Indaiatuba tem 17.252 adolescentes entre 12 e 17 anos vacinados contra Covid-19

Artigo

em

Por

  • Publicação: 17/09/2021 17:25h
  • Redator(es): Sirlene Virgílio Bueno
  • Release N.º: 1116

A Secretaria Municipal de Saúde informa que Indaiatuba segue as orientações do Governo do Estado e manterá a vacinação contra Covid-19 para adolescentes entre 12 e 17 anos. O município já vacinou 17.252 adolescentes de um total de 19.006 inscritos na plataforma Minha Vacina. A Prefeitura aguarda a liberação do Estado de novas doses de vacina para dar continuidade à imunização do grupo dessa faixa etária.

Entre os indaiatubanos vacinados estão 2.589 adolescentes de 12 anos; 2.513 de 13 anos; 2.919 de 14 anos; 3.028 com 15 anos; 3.070 de 16 anos e 3.133 de 17 anos. Desses, 563 adolescentes estão cadastrados com comorbidades.

A secretária da pasta, Graziela Garcia, orienta as famílias dos adolescentes que ainda não receberam a primeira dose do imunizante contra Covid-19 a aguardarem uma nova convocação. “Ainda temos um grupo de 1.754 adolescentes cadastrados e que não compareceram nas datas de convocação para receber a vacina ou que se cadastraram após o período de convocação. Orientamos que essas famílias acompanhem o e-mail cadastrado na Minha Vacina e aguardem uma nova chamada”, avisa.

O cadastro na plataforma Minha Vacina para adolescentes foi aberto no dia 17 de agosto e a vacinação do grupo em Indaiatuba foi iniciada no dia 28 de agosto. Desde então a campanha prosseguiu normalmente até a convocação do último grupo de 12 anos, que aconteceu na segunda-feira (13). A Secretaria de Saúde ainda realizou uma repescagem de adolescentes entre 14 e 17 anos na terça-feira (14), e agora aguarda a liberação de novas doses da Pfizer para fazer uma outra repescagem, incluindo 12 e 13 anos.

Na quarta-feira (16), o Governo Federal emitiu uma nota informativa suspendendo a vacinação de adolescentes entre 12 e 17 anos. Em resposta ao anúncio, o Governo do Estado também emitiu uma nota informando que São Paulo continuará vacinando os adolescentes, sob o argumento de que a decisão do Ministério da Saúde vai na contramão de autoridades sanitárias de outros países como os Estados Unidos, Chile, Canadá, Israel, França e Itália, que já vacinam esse grupo.

Em nota o Estado ainda ressaltou que as diretrizes do Governo Federal criam insegurança e em milhões de adolescentes e famílias que esperam ver os filhos imunizados, além de professores que convivem com eles diariamente.

Até a quarta-feira o Plano Estadual de Imunização já havia vacinado 2,4 milhões de jovens de 12 a 17 anos, o que representa 72% do público desta faixa etária.

Notícias relacionadas

Com informações Prefeitura de Indaiatuba

Continue lendo
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Destaque

DestaqueAtualizado há 23 minutos

Casal é preso por negligência após morte do filho de 4 meses em Indaiatuba

A ocorrência foi em um condomínio localizado na avenida Horst Frederico John Heer, no bairro Campo Bonito, no fim da...

DestaqueAtualizado há 8 horas

Pais são presos após morte do filho de 4 meses em Indaiatuba

Pai e mãe de um bebê de 4 meses foram presos por negligência em Indaiatuba (SP) após a morte da...

DestaqueAtualizado há 2 dias

Conibase mais uma rede varejista que chega em Indaiatuba com oportunidades de trabalho

A Conibase acaba de chegar em Indaiatuba, com diversas oportunidades de trabalho. A loja será instalada no endereço do antigo...

BrasilAtualizado há 2 dias

Mulher tem o casamento dos sonhos antes de morrer de câncer

Cada detalhe do casamento foi escolhido pela noiva. Localização, cardápio de buffet, banda instrumental e buquês de rosas, tudo como...

DestaqueAtualizado há 4 dias

Atacadão inaugura sua primeira loja em Indaiatuba; Veja o vídeo

O Atacadão abriu sua primeira loja em Indaiatuba, nesta quarta-feira (15). A equipe do Notícias de Indaiatuba foi até a...

DestaqueAtualizado há 4 dias

Conibase Home Center seleciona funcionários para trabalho em Indaiatuba

A empresa disponibiliza quinze vagas diferentes para a cidade A Conibase é uma rede varejista referência em materiais para construção,...

DestaqueAtualizado há 5 dias

“Amigo” mata pedreiro por causa de R$ 900 e passa a noite se divertindo em Indaiatuba

O “amigo” do pedreiro de 51 anos que foi encontrado morto em uma obra com sinais de violência na manhã...

DestaqueAtualizado há 5 dias

Construção do Roldão Atacadista segue em ritmo acelerado em Indaiatuba; Saiba como se candidatar

Os representantes do supermercado apontaram que a unidade deve gerar 300 empregos diretos e indiretos e o investimento na construção...

DestaqueAtualizado há 5 dias

Frente fria derruba temperaturas e traz chuvas a partir de quarta-feira em Indaiatuba

Uma massa de ar frio deve chegar à região de São Paulo, provocando uma queda nas temperaturas e previsão de...

DestaqueAtualizado há 5 dias

Parada em fábrica da Toyota em Indaiatuba é por conta de lockdown na Malásia

A fábrica da Toyota que produz os carros Corolla anunciou o fechamento devido à falta de peças de freio importadas...

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

TAGS

+ VISTOS