A nova concessão da Via Dutra, principal ligação rodoviária entre São Paulo e Rio de Janeiro, deve trazer redução média de 20% nos custos com pedágio entre as duas cidades, disse nesta quinta-feira o ministro da Infraestrutura, Tarcisio Freitas.

Falando à GloboNews, Freitas disse também que as mudanças no modelo de concessão em relação ao atual, que vence no final de 2021, não devem atrasar o cronograma.

publicidade

“Vamos manter o calendário”, disse o ministro.

A licitação, prevista para acontecer no último trimestre deste ano, prevê que um modelo que mescla pagamento de outorga e oferta de menor tarifa de pedágio por parte da concessionária.

Fique por dentro das principais notícias
Receba notificações
Reuters – Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.

Receba as “Notícias De Indaiatuba’ no Seu WhatsApp Os leitores que solicitarem o serviço gratuito irão receber, direto nos seus aplicativos, as principais notícias do dia. Estar sempre conectado aos aplicativos de mensagens instantâneas, como o WhatsApp, não significa estar desinformado. Com o Notícias de Indaiatuba, você pode receber diariamente as principais notícias do dia no seu celular. Para participar, basta adicionar nos seus contatos o número (19) 98122-4163 e enviar uma mensagem pelo WhatsApp, enviando a palavra “Notícias de Indaiatuba” (quem já é adepto do serviço continuará recebendo as notícias pelo número divulgado anteriormente). O esquema de envio será via lista de transmissão. Isso significa que os leitores que optarem por receber o conteúdo só serão notificados pelo Notícias de Indaiatuba, que administra o grupo.

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Região
Comentários estão fechados.

Leia também

‘Não é normal’, dizem coveiros sobre trabalho em cemitérios de SP após chegada de coronavírus

Nos cemitérios municipais da cidade mais atingida pelo novo coronavírus no Brasil, sepulta…