Os programas de apoio criados pelos governos estadual e federal para auxiliar empreendedores a manter os negócios em meio à pandemia do novo coronavírus são indicados pelo Sindicato do Comércio Varejista de Jundiaí e Região (Sincomercio) e pela Câmara de Dirigentes Lojistas de Jundiaí (CDL).

A orientação vem no momento em que todo o Estado de São Paulo deve regredir para a fase vermelha do Plano SP de enfrentamento da doença, após explosão de casos confirmados, de internações em leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e de óbitos causados pela doença. O governador João Doria deve decretar hoje (3) medidas mais restritivas para conter o avanço da contaminação.

LEIA TAMBÉM

“Assim como ocorreu anteriormente, quando o comércio não pôde abrir as portas, o Sincomercio e a CDL reforçam a necessidade dos empresários se orientarem sobre os programas de auxílio dos governos para garantir a manutenção dos negócios e dos empregos”, explicou Edison Maltoni, presidente do Sincomercio e da CDL Jundiaí.

Leia também:

De acordo com ele, as entidades continuam em contato com as esferas de governo para poder orientar os empreendedores da melhor maneira possível. “Seguiremos lutando em defesa dos empresários, pleiteando por ações concretas em mais um momento complicado para a economia e manutenção de vidas”.

Programas

Entre as medidas do Governo Federal está o Programa Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda (BEM), que autoriza empresários a reduzir salários e carga horária e até a suspender contratos de trabalho. Na terça-feira (02), o ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que o governo vai retomar o BEM, mas ainda não informou datas.

Pelo Governo de São Paulo, há programas de incentivo econômico como o subsidiado pela Desenvolve SP e pelo Banco do Povo destinados, principalmente, para micro e pequenas empresas.

Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho, mostram que 9.849.115 de empregados formais tiveram redução de jornada e salário ou suspensão do contrato de trabalho durante os oito meses em que o programa vigorou no ano passado.

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Saúde & Bem Estar
Comentários estão fechados.

Leia também

Dailus lança assistente virtual com perfil da geração Z

Social Media LEIA TAMBÉM Dailus lança assistente virtual com perfil da geração Z Sebrae aq…