Um estudo liderado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) chamado “Solidarity Therapeutics Trial” afirmou a ineficácia de quatro antivirais contra a Covid-19. A pesquisa diz que a interferon beta-1a, remdesivir, combinação de lopinavir/ritonavir  e a hidroxicloroquina não têm resultados eficientes no combate contra a doença.

Este estudo foi realizado em mais de 30 países, com 405 hospitais. Assim, participaram da pesquisa 11.266 adultos, destes: 2.750 receberam remdesivir; 954 receberamhidroxicloroquina; 1.411 receberam lopinavir; 651 receberam a combinação de interferon com lopinavir; 1.412 receberam apenas interferon e 4.088 eram do grupo de controle e não receberam nenhum medicamento.

LEIA TAMBÉM

Ao final da pesquisa, os resultados mostraram 1.253 mortes dos pacientes estudados. O resultado mostrou que os medicamentos tiveram pouco ou nenhum desempenho no combate ao vírus, redução da mortalidade ou tempo de internação dos pacientes.

De acordo com a OMS, ainda que os estudos precisem passar por avaliação de outros cientistas, os resultados já apontaram “evidências conclusivas” sobre a eficácia dos medicamentos.

No texto publicado pela organização, é dito que “o progresso alcançado pelo ‘Solidarity Therapeutics Trial’ mostra que grandes ensaios internacionais são possíveis mesmo durante uma pandemia, e oferecem a promessa de responder questões críticas de saúde pública relativas ao tratamento de forma rápida e confiável.”

Recentemente o diretor da OMS, Michael Ryan, disse que no Brasil a estabilidade dos números da pandemia são positivos, mas ainda altos. “Como todos nós aprendemos sob duras penas nos últimos meses, o fato de a doença estar em declínio não significa que ela não se agravará novamente. (…) Precisamos continuar vigilantes.”

Leia também:

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Saúde & Bem Estar
Comentários estão fechados.

Leia também

Brasil registra primeiro caso confirmado de Covid-19 em gato

Uma gata de poucos meses é o primeiro animal a testar positivo para o novo coronavírus no …