A Secretaria de Estado da Saúde fez a entrega de sete ‘concentradores de oxigênio’ à Jundiaí, que serão  destinados aos pacientes com Covid a partir do Programa Melhor em Casa e da Clínica da Família Novo Horizonte. Os equipamentos possuem funções iguais aos cilindros de oxigênio, porém, não necessitam de recarga. Captam o ar atmosférico, concentram e encaminham aos pulmões do usuário.

Por ser portátil, o aparelho é de fácil instalação e foi encaminhado às equipes que fazem o cuidado complementar à população que passa por internação na Unidade de Pronto Atendimento Vetor Oeste (UPA).

LEIA TAMBÉM

De acordo com o gerente do Serviço de Atendimento Domiciliar – Melhor em Casa, Alexandre Rafael Gatti Santiago, o referenciamento da população para o cuidado é feito conforme a região à qual a pessoa mora. “As pessoas que moram na região no Vetor Oeste, por exemplo, ao ter alta e não precisar de oxigenioterapia, são acompanhadas pela equipe da Clínica da Família Vetor Oeste, que realizam visitas e telemonitoramento. Caso essas pessoas venham a agravar e necessitar de suporte ventilatório, os concentradores são acionados pelas equipes. O mesmo acontece com as demais regiões da cidade, que contam com técnicos a equipe Melhor em Casa para o monitoramento, explica.

“Conseguimos criar um novo serviço para a população, dedicado para o atendimento pós internação COVID-19 abrangendo todo o território de Jundiaí, a partir de serviços que já existiam na cidade, requalificando e oferendo o cuidado necessário à população neste período de pandemia”, comenta o prefeito Luiz Fernando Machado. A destinação para Jundiaí contou com o apoio do vereador Rogério da Silva e da deputada Damaris Moura.

Leia também:

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Saúde & Bem Estar
Comentários estão fechados.

Leia também

Burguer King aproveita ação do Rappi e dá Whopper grátis para quem aparecesse com fritas do Méqui

O Burger King decidiu entrar na brincadeira e aproveitar a ação do Rappi para anuncia…