Trabalhos começaram nesta semana pela Rua dos Indaiás

A Prefeitura de Indaiatuba dá andamento ao projeto de deixar a cidade muito mais iluminada e segura para a população. As ruas de mais dez bairros terão 100% de iluminação LED. O Jardim Santa Cruz, Vila Costa e Silva, Califórnia, Jardim Tropical e Jardim Morada do Sol integram a lista dos beneficiados. Os trabalhos foram iniciados na semana passada pela Rua dos Indaiás, que já está com as luminárias novas. Nesta semana, a empresa responsável pela execução dos serviços está na avenida Francisco de Paula Leite. No total, serão instaladas 3.211 lâmpadas LED de 84 a 190 watts de potência. No final de 2019 a Prefeitura concluiu a substituição de mais de 4 mil lâmpadas comuns pelo modelo LED.

No pacote iniciado em fevereiro também serão beneficiados os jardins Nova Indaiá, Kioto II, Juscelino Kubitschek, Vila Pires da Cunha e Parque das Nações, além da Alameda Filtros Mann.  

Publicidade

Sozinho o Jardim Morada do Sol receberá 1.563 lâmpadas e passará a contar com 100% de suas ruas iluminadas por LED. Em dezembro de 2019 o bairro já havia recebido 616 luminárias novas distribuídas por 11 ruas que foram escolhidas com base nos pontos de maior movimento e também vias utilizadas pelo transporte coletivo urbano.

O Jardim Califórnia e a avenida Francisco de Paula Leite são outros dois pontos da cidade que receberão um volume maior de luminárias. No Jardim Califórnia serão 406 lâmpadas e na Paula Leite, 400.

Em 2019 a Prefeitura concluiu a instalação e substituição de mais de 4 mil pontos de iluminação pelo modelo LED. A novidade atendeu boa parte do Parque Ecológico, as principais praças e avenidas da cidade e alguns bairros inteiros, como a Vila Brigadeiro Faria Lima (Cecap I, II e III), os jardins Tancredo Neves e Oliveira Camargo. Já foram beneficiadas, também, ruas do Jardim Morada do Sol, algumas ruas do Centro, do Jardim dos Colibris, ruas Soldado João Carlos de Oliveira Jr. e Comendador Nagib Ibrahim, e as avenidas Higienópolis, Nove de Dezembro e dos Artífices.

O prefeito Nilson Gaspar ressaltou que o objetivo desse investimento é proporcionar uma iluminação mais eficiente e garantir mais segurança à população. “Nossa proposta é priorizar os pontos que precisam de mais iluminação e a medida faz parte de uma série de ações que estamos realizando para tornar o município cada vez mais seguro”, justificou. “Além de proporcionar mais segurança aos contribuintes com uma iluminação mais eficiente, as lâmpadas LED ainda geram economia no consumo de energia”, completou.

Esse trabalho foi iniciado pela Administração Municipal em 2018, com a substituição gradativa das lâmpadas comuns por luminárias LED, atendendo todo o Parque Ecológico, além das principais praças e avenidas da cidade. As obras de requalificação da avenida Ário Barnabé e a duplicação da alameda Coronel Antônio Estanislau do Amaral foram projetadas para receber esse novo modelo de iluminação, assim como a urbanização do final do Parque Ecológico, no Jardim Paulistano.

Conforme dados do Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia), a lâmpada LED é mais econômica porque sua eficiência luminosa é maior do que as outras lâmpadas. Isso significa que gasta menos energia para gerar a mesma iluminação. As LED podem durar pelo menos 25 vezes mais do que as lâmpadas incandescentes e quatro vezes mais do que as fluorescentes compactas, dependendo do modelo.

Fotos: Eliandro Figueira  RIC/PMI

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Notícias
Comentários estão fechados.

Leia também

Negócios 11:14 John Deere paralisa fábricas no Brasil; Centro de Peças segue operando

Em razão da pandemia de coronavírus, a fabricante de máquinas agrícolas John Deere informo…