Mulher diz que já perdoou namorado e que pretende se casar com o réu

Durante julgamento de um caso de tentativa de feminicídio no Rio Grande do Sul, a vítima, que foi atingida por 5 tiros disparados pelo namorado, pediu permissão ao juiz para beijar o réu.

O juiz não autorizou o ato e, mesmo assim, ela se levantou e o beijou.

O crime aconteceu em agosto de 2019 e foi julgado nesta terça-feira (28) pelo Conselho de Sentença, no Centro de Venâncio Aires.

Micheli Schlosser, 25 anos, estava em uma praça quando o então namorado disparou 7 vezes em direção a ela. Durante o júri, ela declarou que tudo aconteceu depois de uma provocação.

“Ele nunca tinha me agredido, sempre foi muito bom”, revelou. “Ele foi o melhor homem com quem me relacionei na vida”, acrescentou.

Lisandro Rafael Posselt, de 28 anos, está na Penitenciária Estadual de Venâncio Aires e pediu uma nova chance aos jurados dizendo que não quer voltar para “aquele inferno”.

O advogado de defesa, Jean Menezes Severo, citou que a vítima é a mais interessada no julgamento e ela já perdoou o réu pelo crime. Ele foi condenado a 7 anos de prisão em regime semiaberto.

Fonte: R7

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Brasil
Comentários estão fechados.

Leia também

Dia da Mulher – Feira de Variedades e Artesanatos traz produtos especiais para Elas

Produtos com preços promocionais poderão ser conferidos nos dias 4, 5 e 6 de março, em com…