Medida vale para as escolas das redes municipal e estadual; instituições privadas podem optar por retorno gradativo mediante protocolo sanitário

O decreto nº 14.064, publicada na Imprensa Oficial de Indaiatuba, nesta quarta-feira (16/9), estabelece a prorrogação da suspensão das aulas e demais atividades escolares nas redes municipal e estadual de ensino da cidade até o dia 31 de dezembro, em virtude da pandemia de covid-19.

LEIA TAMBÉM

As escolas da rede privada, de acordo com o decreto, podem optar pelo retorno gradativo das atividades presenciais, a partir de 5 de outubro, mediante a aprovação do protocolo pelo Departamento de Vigilância Sanitária.

O decreto observa, porém, que se a região abrangida pelo Departamento Regional de Saúde de Campinas (DRS-7), da qual Indaiatuba faz parte, regredir para a fase vermelha (a mais restritiva) do Plano São Paulo, a autorização para funcionamento das escolas particulares será suspensa.

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Destaque
Comentários estão fechados.

Leia também

Bolsonaro passará por cirurgia para retirar cálculo da bexiga na próxima sexta-feira (25) em São Paulo

O presidente Jair Bolsonaro será submetido a uma cirurgia na próxima sexta-feira (25) para…