Geralmente os cães da raça pastor alemão são conhecidos pelo porte grande e forte. Entretanto, o cachorro Roger é uma exceção. O cãozinho, morador do Arizona, nos Estados Unidos, tem nanismo e apresenta características de um pequeno filhote, mesmo sendo um animal adulto.

Sua tutora, Shelby Mayo, revelou em uma entrevista ao NY Post que o nanismo de Roger é genético e ela não imaginava que o animal tinha a condição quando o adotou. De acordo com Shelby, alguns cuidados são necessários, mas o cãozinho leva uma vida absolutamente normal.

Sua característica particular começou a fazer tanto sucesso nas redes sociais que Roger agora tem em seu perfil no Instagram com mais de 67 mil seguidores. E o pequeno cãozinho não economiza na fofura na hora dos cliques. Confira:

Fonte: Metrópoles

Artigos relacionados
Carregar mais por - redação
Carregar mais em Entretenimento
Comentários estão fechados.

Leia também

São Paulo registra maior número de mortes por coronavírus em um dia

O estado de São Paulo registrou 16 mortes por coronavírus neste sábado (28), o maior númer…